sábado, 27 de março de 2010

Imagens engraçadas/curiosas - 27/03/2010

Clique na imagem abaixo para ver todas as fotos

Via Knuttz/Ueba

Papel de parede do dia - 95

Clique para ampliar

Revista Boa Forma – Março 2010

Trailer: Prince of Persia: The Sands of Time

Conheça a capital mais charmosa do Brasil: Aracaju

Na votação aberta na nossa página, Aracaju recebeu mais de 20 mil votos

A BR-101 é o caminho para chegar a capital de Sergipe, a pequena mais charmosa do Brasil como é conhecida Aracaju.

"Cidade tranquila, pacata muito bonita, muito bonita mesmo", fala Olga Melo, funcionária pública.
Beleza é só um detalhe na cidade onde há muito para se ver e fazer. É no centro que está um pedaço da história de Aracaju.

O que torna essa uma cidade especial, são algumas curiosidades deixadas pelo passado cheio de histórias bem presentes na vida de quem mora aqui, mas um tanto estranhas para quem vem de longe.

A Ponte do Imperador, construída para receber Dom Pedro II e a Família Real - um dos monumentos mais famosos da cidade - não é bem uma ponte. “Verificando aqui é um atracadouro”, comenta Amaury Martins, turista paulista.

A avenida beira-mar, na verdade beira o rio Sergipe. “Não adianta querer mudar isso aqui para beira rio", completa Elaine Martins, empresária.

Contrastes que são tão atrativos quanto a bela orla de Aracaju. É aqui que está a maioria dos hotéis e pousadas. Para quem prefere os hotéis mais luxuosos a diária para casal fica em torno de R$ 400 e inclui café da manhã. Nas pousadas, o preço da diária varia de R$ 100 a R$ 150, sem muito luxo, mas com conforto.

Para relaxar e conhecer um pouco mais de Aracaju, um passeio de barco Catamarã pelo rio Sergipe. Se tiver sorte é possível encontrar golfinhos.

Lugares que também conquistam com sabores que a gente só encontra quando visita Aracaju. "Os camarões, os caranguejos, o peixe daqui é maravilhoso", fala a turista mineira, Márcia Moura.

A moqueca de robalo com pirão é uma dessas delícias. O prato custa R$ 60 e dá para duas pessoas. Quando a noite chega, a cidade oferece ainda mais diversão.
Em Aracaju é assim: à noite tudo começa com caranguejo, o crustáceo faz tanto sucesso por aqui que ganhou um espaço só pra ele. Antes de qualquer programa é comum dar uma passadinha na passarela do caranguejo

Carmem Mendonça, cerimonialista
“A gente come o famoso caranguejo de Aracaju depois a gente segue".

Bruna Feccio, empresária
“A gente fica olhando e tentando fazer parecido”

Mas se não conseguir, não tem problema. Nada como um novo dia para recomeçar, ainda mais em uma cidade como Aracaju, onde o mar tem águias mornas e o sol aparece o ano inteiro, em um eterno convite à diversão.

Na semana que vem nós vamos conhecer o destino que ficou em segundo lugar na votação dos internautas: Ilhéus, na Bahia.

Fonte: G1.com.br/Jornalhoje

Pitbul X Polícia

O Estado de SP em PDF, Sábado, 27-03-10

Casal Nardoni é condenado pela morte de Isabella:
- Fabiana Marchezi e Gabriel Pinheiro - Para ele, a pena foi 31 anos, 1 mês e 10 dias de prisão; para ela, 26 anos e 8 meses. Foram cinco dias de julgamento. Das 24 testemunhas apresentadas, apenas 7 foram ouvidas. Para a defesa, não havia provas; para a acusação, não havia dúvidas. À 0h16 deste sábado, 27, o juiz Maurício Fossen leu a sentença que condenou Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, pai e madrasta de Isabella, pela morte da menina. O casal foi condenado por homicídio triplamente qualificado e fraude processual. Para ele, a pena foi 31 anos, 1 mês e 10 dias de prisão; para ela, 26 anos e 8 meses. Ambos recorreram imediatamente, no próprio plenário.

Ao ler a condenação - que era comemorada do lado de Fórum de Santana, zona norte de São Paulo, com fogos e aplausos - o magistrado citou que o crime foi praticado em 29 de março de 2008 com "frieza emocional, de forma insensível e covarde." No caso do pai, a pena foi maior porque se trata de homicídio contra descendente, um agravante. O fato da vítima ter menos de 14 anos e ter sido asfixiada também fizeram a pena aumentar.

O casal chorou no anúncio da sentença, principalmente Anna Jatobá, que limpava as lágrimas com as algemas. Ela ficará detida em regime fechado pelos próximos 9 anos, quando terá cumprido dois quintos da pena e poderá pedir o semiaberto. Nardoni terá de cumprir 11 anos de prisão antes de poder requerer o mesmo benefício.

O pai do réu, Antônio Nardoni, já chorava antes mesmo de o juiz dar o veredicto. A atitude se mostrou atípica para ele, que se dizia convicto da inocência dos réus durante todo o andamento do processo.

Antes de deixar o plenário, Jatobá acenou para a família, em um gesto de despedida. O réu foi trocar algumas palavras com o advogado de defesa, Roberto Podval. Os dois foram encaminhados em caminhões fechados ao Presídio de Tremembé, onde já cumpriam prisão preventiva.

Principal
Formato: PDF
Tamanho: 33 Mb


Cadernos: Autos & Imóveis
Formato: PDF
Tamanho: 34 Mb

Revista Arkade – Lançada a edição número 09!


Sergival comandará programa de forró na Rádio Nacional

O programa que se chama 'Puxa o Fole' e vai ao ar aos domingosSergival irá apresentar programa de forró
Foto: Arquivo Portal Infonet


O cantor e compositor sergipano Sergival, que atualmente reside em terras cariocas, vai produzir e apresentar na Rádio Nacional do Rio de Janeiro um programa exclusivo dedicado ao forró, com estréia marcada para o próximo domingo, dia 28 de março. Como ele próprio escreveu, forró maiúsculo, autêntico, de raiz, pé-de-serra, “os ritmos nordestinos imortalizados por grandes nomes como Luiz Gonzaga, Trio Nordestino e tantos outros que nos deixaram esse legado".

Mas, segundo ele "o objetivo é também mapear a nova produção do Nordeste, alguns nem tão novos assim mas que não tem espaço na mídia, principalmente aqui no Sudeste. A linguagem contemporânea também terá seu espaço, desde que seja música de bom gosto daquelas que a gente não precisa tirar as crianças da sala quando estão tocando”.

O convite surgiu da amizade de Sergival com Geraldo do Norte que tem um programa famoso na Rádio Nacional – No Tabuleiro do Brasil. “Tudo começou com o poeta matuto e meu amigo Geraldo do Norte, que entrevistei em meu programa Casa de Taipa da TV Caju, quando eu residia em Sergipe. Nos tornamos amigos aqui no Rio de Janeiro, e por aqui temos realizado muitos shows juntos”, conta Sergival.

Os cinco anos apresentando o programa Casa de Taipa em Aracaju, bem como as transmissões anuais ao vivo do ForróCaju entrevistando grandes nomes do forró, além da carreira musical e artística foram referência para a escolha – é a dedicação de Sergival à cultura popular dando frutos. Semana passada, o nome de Sergival e seu projeto foram aprovados. Na reunião dos avaliadores estavam: o Superintendente da Associação das Rádios Públicas do Brasil (ARPUB) Orlando Guilhon, o Coordenador Geral da Rádio Nacional Marcos Gomes, o Diretor de Programação e poeta Sérgio Natureza, da Rádio MEC Xico Teixeira, o Superintendente da Rádio MEC e Nacional Cristiano Menezes. A ARPUB é um dos braços da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), que aglutina as TV’s Públicas, de Notícias e de Rádios Públicas do país.

O programa que se chama 'Puxa o Fole' terá duas horas de duração e irá ao ar sempre aos domingos, das 11h às 13h , com transmissão ao vivo pela Rádio Nacional AM 1130KHz para todo o Sudeste e através da Internet.

Fonte: Infonet

sexta-feira, 26 de março de 2010

Imagens engraçadas/curiosas - 26/03/2010

Clique na imagem abaixo para ver todas as fotos

Via Knuttz/Ueba

Pássaros

Clique na imagem abaixo para ver todas as fotos

O Estado de SP em PDF, Sexta, 26-03-10

Lula toma nova multa por adiantar campanha:
Tribunal aplica multa de R$ 10 mil ao presidente por evento realizado em SP em janeiro - Uma semana depois de multado em R$ 5 mil pelo Tribunal Superior Eleitoral, o presidente Lula foi de novo punido ontem. O motivo foi o mesmo: propaganda eleitoral antecipada em favor da ministra Dilma Rousseff, pré-candidata do PT à Presidência. O valor da multa, porém, dobrou: R$ 10 mil. Horas antes, em Osasco, Lula ironizara a punição anterior. No início da noite, a pedido dos partidos de oposição, o plenário do TSE decidiu multar o presidente em R$ 10 mil. Os ministros entenderam que ele fez propaganda dissimulada pró-Dilma durante inauguração do Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados de São Paulo em janeiro.
"Então, eu penso que a cara do Brasil vai mudar muito. E quem vier depois de mim - e eu, por questões legais, não posso dizer quem é; espero que vocês adivinhem, espero -, quem vier depois de mim já vai encontrar um programa pronto, com dinheiro no Orçamento, porque eu estou fazendo o PAC 2 porque eu preciso colocar dinheiro no Orçamento para 2011, para que as pessoas comecem a trabalhar", disse Lula na ocasião.

Virada. O julgamento de ontem chegou a ficar em 4 votos a 0, mas o voto do ministro Félix Fischer, que apresentou razões para embasar a interpretação de campanha antecipada, levou o presidente da corte, ministro Ayres Britto a retificar seu voto e comandar uma virada no placar. "Quem fica mais perto da lareira se aquece melhor", comparou Ayres Britto, ao avaliar que o candidato apoiado por quem está no poder tem vantagens. O julgamento terminou em 4 votos a 3 pela punição de Lula. O TSE rejeitou, porém, o pedido para que Dilma também fosse punida.

Formato: PDF
Tamanho: 42 Mb

Teaser trailer: Megamind

Papel de parede do dia - 94

Jogos Paraolímpicos de Inverno Vancouver 2010

quinta-feira, 25 de março de 2010

Imagens engraçadas/curiosas - 25/03/2010

Clique na imagem abaixo para ver todas as fotos

Via Knuttz/Ueba

Homem pássaro no chiado - Música de rua

Papel de parede do dia - 93

Clique para ampliar

Veja - Edição 2157- 24 de Marco de 2010

O Estado de SP em PDF, Quinta, 25-03-10

Mantega cobra explicação de BB e Caixa sobre juros:
Presidentes dos bancos criticam metodologia de pesquisa do BC que aponta instituições como líderes na alta dos juros em 2010 - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, cobrou ontem explicações dos presidentes do Banco do Brasil, Aldemir Bendine, e da Caixa Econômica Federal, Maria Fernanda Coelho, sobre reportagem do "Estado" publicada no último domingo que mostra aumento na taxa de juros média praticada pelos dois bancos públicos, de acordo com dados do Banco Central. A reportagem mostrou que os bancos públicos lideram a alta dos juros em comparação aos bancos privados. Após encontro com o ministro, os dois dirigentes convocaram uma entrevista coletiva para declarar que as duas instituições financeiras não aumentaram as taxas mínimas e máximas de juros para os seus clientes.
Demonstrando desconforto, criticaram a metodologia usada pelo BC para fazer o ranking, o qual, segundo eles, acabou produzindo um dado "enviesado".

Os dois executivos argumentam que a elevação da taxa média se deve ao fato de BB e Caixa terem aumentado sua carteira de crédito com clientes novos que têm avaliação de risco maior.

"Não houve mudança alguma nas taxas de juros por parte dos dois bancos", afirmou Bendine. Segundo ele, é natural que, nesses casos, acabe ocorrendo, na média, uma elevação dos juros. Os dois executivos disseram que já pediram ao BC que mude a metodologia, que segundo eles é criticada também pelos bancos privados.

Segundo uma fonte do BC, não foi feito nenhum questionamento ou pedido recente para mudança da metodologia da pesquisa. No ano passado o Banco Central foi questionado e chegou a mudar a metodologia. Quando os bancos públicos apareciam na frente, eles cobraram alteração na metodologia. Depois, quando os bancos privados apareceram em situação pior, a Febraban reclamou.


Formato: PDF
Tamanho: 40 Mb

quarta-feira, 24 de março de 2010

Imagens engraçadas/curiosas - 24/03/2010

Clique na imagem abaixo para ver todas as fotos

Via Knuttz/Ueba

What a Wonderfull world - Death Metal

Promoção Knorr

E aí, quer experimentar uma novidade da Knorr no 0800 ???? Então clique na imagem abaixo ou no link e peça já o seu !

Cavalo marinho tendo bebês

Chariot Skates

Papel de parede do dia - 92

Clique para ampliar

O Estado de SP em PDF, Quarta, 24-03-10

Bancos privados abrem guerra contra o BB por exclusividade no consignado:
A concorrência entre bancos públicos e privados no crédito está deixando os balcões das agências e chegando aos tribunais. O objeto da discórdia é a atuação do Banco do Brasil no empréstimo consignado. Já existem ao menos 11 ações na Justiça questionando a exclusividade que o BB conseguiu para operar o produto em lugares como a cidade de São Paulo e o Estado da Paraíba. Os concorrentes reclamam que o BB acaba com a competição.Dos 11 processos, oito foram abertos por instituições financeiras privadas ou por entidades do setor. A principal reclamante é a Associação Brasileira de Bancos (ABBC), que representa os interesses de 84 instituições, a maioria de pequeno e médio portes.

Na Paraíba, porém, uma ação foi impetrada pelo banco Santander – a queixa não foi feita diretamente contra o BB, mas contra o secretário de Administração. Procurado pela reportagem, o banco informou que "não pode comentar assuntos sub judice".

O Estado apurou que outros grandes bancos privados também estudam recorrer à Justiça contra a exclusividade do BB. "Não faz sentido a lei permitir que o cliente possa receber o salário no banco que escolher (a chamada portabilidade da conta salário), mas ser obrigado a fazer um consignado com o BB", argumenta um executivo de um banco privado. "Se a ABBC entra (na Justiça) e ganha, parece lógico que quem está fora também vá atrás. Todos vão buscar seus direitos."


Por trás da briga, está o segmento de crédito que mais cresceu no Brasil nos últimos anos. Embora exista no País desde o fim da década de 90, o consignado expandiu-se fortemente a partir de 2004, depois de ser regulamentado pelo governo federal.

Em fevereiro, o estoque desses empréstimos alcançava R$ 112 bilhões, 61% do total de crédito pessoal no Brasil e cerca de um quarto do crédito concedido às pessoas físicas. A maior parte do dinheiro – R$ 96,5 bilhões – era de trabalhadores do setor público. É por isso que a disputa está concentrada em governos estaduais e municipais.

Formato: PDF
Tamanho: 23 Mb

Testes mostram produtividade 'altíssima' em Tupi, diz Petrobras

Poço tem potencial para 30 mil barris por dia, diz estatal.
Local foi o quarto poço a ser perfurado na área.

A Petrobras disse nesta terça-feira (23) que testes em um poço na área de Tupi constataram "altíssima produtividade" do pré-sal no local.

Nos chamados testes de formação, foi medida produção de 5 mil barris por dia de petróleo leve (28° API). O potencial de produção do poço foi estimado em cerca de 30 mil barris por dia.

Segundo a Petrobras, isso comprova "a alta capacidade de produção de petróleo leve na área de Tupi já anteriormente constatada por outros poços testados na área".

O poço testado é o quarto já perfurado em Tupi e está localizado a cerca de 265 quilômetros da costa do Rio de Janeiro, em local com lâmina d'água (profundidade do mar) de 2.115 metros.

O poço é operado por um consórcio formado por Petrobras (com 65% de participação), BG Group (com 25%) e Galp (com 10%). Segundo a estatal, o consórcio "dará continuidade às atividades e investimentos necessários para a avaliação das jazidas em Tupi, com a perfuração de novos poços até a Declaração de Comercialidade, prevista para dezembro de 2010". A declaração de comercialidade é um documento enviado pela operadora de um campo à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) confirmando que vai investir na produção no local.

Fonte: G1

terça-feira, 23 de março de 2010

Imagens engraçadas/curiosas - 23/03/2010

Clique na imagem abaixo para ver todas as fotos

Via Knuttz/Ueba

D-Photo - Abril/Maio 2010

Iditaroad 2010

Photoshop Creative - BR - Edição 15 (02/2010)

Dia mundial da água

Publicada: 23/03/2010
Texto: Janaina Cruz / Foto: Jorge Henrique

No feriadão da Semana Santa, os aracajuanos poderão chegar ao litoral sul mais rápido e sem precisar atravessar de balsa o rio Vaza-Barris. É que está praticamente pronta a ponte Jornalista Joel Silveira, que tem 1.080 metros e liga o Mosqueiro à Caueira, em Itaporanga D’Ajuda. O presidente do Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe (DER), Antônio Vasconcelos, disse que a inauguração da obra depende apenas da confirmação ou não do presidente Lula.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA NO JORNAL IMPRESSO.
Fonte: Jornal da Cidade

O Estado de SP em PDF, Terça, 23-03-10

Mãe emociona o júri e relata:
Jatobá disse que tudo foi culpa de Isabella: Por 6 vezes, Ana Oliveira chorou durante depoimento; no fim, defesa exigiu que ela continuasse na sala, apesar do protesto do promotor. Alexandre é um homem violento que não se importava com a educação da filha Isabella. Anna Carolina Jatobá tinha ciúmes da menina e era igualmente descontrolada e agressiva. Esse foi o retrato do casal Nardoni traçado por Ana Carolina de Oliveira, a mãe de Isabella, em seu depoimento ontem no 2.º Tribunal do Júri. Ela chorou seis vezes. Seu relato sobre a morte da menina, em março de 2008, emocionou até uma jurada.

O julgamento do mais rumoroso crime da década começou às 14h17 de ontem. Mas a primeira testemunha só entrou no plenário do tribunal às 19h32. Era Ana Carolina de Oliveira, que passou a ser inquirida pelo juiz Maurício Fossen. Anteriormente, o magistrado alertara aos jurados sobre o que iam escutar e pediu-lhes que, se possível, contivessem as emoções. Quando Ana apanhou o microfone tinha às costas os réus. Alexandre, de óculos, vestia uma camiseta polo e entrelaçava as mãos entre as pernas. Anna Jatobá mexia nos cabelos, ora os prendendo, ora os soltando. Estava com uma calça preta e uma blusa clara e escondia o rosto atrás de uma pilastra da sala.

A mãe começou a descrever a noite do crime. Contou que recebeu um telefonema de Anna Jatobá, que gritava: "Ela foi jogada, ela foi jogada." Ana Oliveira não entendeu o que havia acontecido, mas, em companhia de quatro amigos, foi ao prédio dos Nardonis, o Residencial London, na zona norte de São Paulo. Era noite do dia 28 de março de 2008.

"Anna Jatobá estava na calçada, saltei do carro e, quando fui subir a escada..." A mãe chorou, então, pela primeira vez. "... Aí, eu logo vi minha filha caída na grama, do lado direito de quem entra no prédio. Quando cheguei, eu a vi. Ajoelhei na frente dela. Coloquei a mão no coraçãozinho dela, que batia bem rápido, e o Alexandre gritava para invadir o prédio, que tinha ladrão."

Formato: PDF
Tamanho: 27 Mb

Pagani Zonda R

Papel de parede do dia - 91

Clique para ampliar

segunda-feira, 22 de março de 2010

Imagens engraçadas/curiosas - 22/03/2010

Clique na imagem abaixo para ver todas as fotos

Via Knuttz/Ueba