sábado, 21 de maio de 2011

Imagens da semana - 203/05/2011

Galileu – Maio 2011 – Edição 238

Folha de São Paulo em PDF, Sabado, 21 de Maio de 2011

Em 2 meses, após a eleição, Palocci faturou R$ 10 mi:
O faturamento da empresa de consultoria do ministro Antonio Palocci superou R$ 10 milhões entre novembro e dezembro de 2010, informa Catia Seabra. À época, a presidente Dilma Rousseff já estava eleita e o atual ministro da Casa Civil coordenava a equipe de transição de governo. O valor representa mais da metade do faturamento da empresa no ano.

Veja também:

Governo define tática para evitar paralisia

FERNANDO RODRIGUES
Crise dá chance para melhora institucional

Segurança aérea ficou nas mãos de inapto diz instrutor a juiz

USP tem mais de 1 crime por dia; conselho aprova PM no campus

Palha no solo de canavial reduz as emissões de CO2

Líder israelense recusa proposta de Obama sobre as fronteiras

Ex-diretor do FMI paga fiança e deixa a prisão

Às 21h, na Vila, Santos estreia no Brasileiro contra o Inter

Formato: PDF
Tamanho: 80 MB

Jornal O Dia em PDF, Sabado, 21 de Maio de 2011

Cerca de 440 mil servidores estaduais passarão a receber pelo Bradesco - Rio - O Bradesco venceu do leilão do antigo Banco do Estado do Rio de Janeiro (Berj). Por R$ 1,8 bilhão, o banco terá direito de administrar a folha de pagamento de 440 mil servidores ativos, inativos e pensionistas estaduais; impostos (IPVA e ICMS, por exemplo); taxas do Detran (como as de vistoria anual e carteira de motorista) e, ainda, contas de fornecedores do estado. O Bradesco vai absorver esses serviços a partir de janeiro de 2012, dando tempo para anunciar como será a migração das contas para todos os interessados.

O governo do estado e o banco ainda estudam como se dará a transferência das contas dos servidores. Detalhes como a quitação de empréstimos consignados não foram definidos. A partir da concretização da operação, as instituições vão anunciar as medidas. O governo assegura que não haverá prejuízo ao funcionalismo.

Para o presidente do Instituto Brasileiro de Cidadania (Ibraci), Carlos Henrique Jund, essa promessa deve ser cumprida. “O servidor não pode ter prejuízos. Se houver é caso de ação coletiva ou individual, por cada cliente lesado, com base no Código de Defesa do Consumidor”, esclarece. “É claro que haverá mudança de política contratual, como houve na época em que o Itaú pegou o pessoal que veio do Banerj. Essa alteração não pode ser prejudicial e lesiva. A eventual relação tem que ser mais benéfica aos consumidores. O banco que hoje detém as contas de servidores (Itaú) vai querer manter esse cliente. A concorrência tende a beneficiar os servidores”, acrescenta.

Valor é de quase 100% do mínimo

Para o secretário de Estado da Casa Civil, Regis Fichtner, o ágio de 99,8% sobre o valor mínimo do leilão — R$ 513 milhões — é reflexo do entendimento do mercado na “pujança” econômica do estado. “Quatro grandes bancos brasileiros disputaram um banco em liquidação e a folha de pagamentos do estado. Foi uma disputa acirrada e o Bradesco ganhou. Estamos muito felizes”, comemorou.

O lance mínimo para arrematar o Berj era de R$ 513 milhões, e o Bradesco ofereceu R$ 1,025 bilhão (sendo que o preço final ficará em R$ 1,8 bilhão por incluir itens como a folha de pagamento), contra R$ 729 milhões do Banco do Brasil, R$ 651 milhões do Santander e R$ 590 milhões do Itaú.

Diretor do Bradesco Poder Público, Renan Mascarenhas Carmo afirmou que a vitória é significante: “Afinal, o Bradesco é o patrocinador das Olimpíadas. O Bradesco é um banco preparado para atender servidores públicos. Serão abertos mais de 40 postos de pagamento nas diversas secretarias e várias agências”.

Não entraram no leilão o prédio do ‘Banerjão’ e o acervo cultural do Berj.

Cuidados a partir de janeiro de 2012

As contas migram automaticamente do Itaú para o Bradesco no ano que vem, a partir de janeiro.

O servidor que quiser, poderá manter a conta no banco pagador atual, se perceber que é vantajoso.

Caso decida migrar sem manter a conta anterior, é preciso que ele faça isso pessoalmente na agência bancária. A migração é automática, mas o encerramento da conta não é.

Especialista em Direito do Consumidor, o advogado Carlos Henrique Jund afirma que tudo deve estar expresso no papel. “É fundamental que o banco forneça um documento que ateste o encerramento da conta. Isso deve acontecer em qualquer operação de fim de contrato. Muitas vezes, se a pessoa não formaliza, pode se surpreender com dívidas de R$ 5 mil, R$ 6 mil. Se tomar esse cuidado, ela evita problemas no futuro”, acrescentou Carlos Jund. Tarifas do Bradesco não podem ser superiores às atuais, diz o especialista.
Formato: PDF
Tamanho: 37 MB

Jornal O Globo em PDF, Sabado, 21 de Maio de 2011

Fraudes e descontrole no Ecad prejudicam músicos:
Déficit que vira superávit, bailes de carnaval em que são tocadas apenas músicas
de um mesmo compositor — Joselito Ribeiro de Macedo, o Astro da Sanfona — e vales-refeição emitidos em nome de funcionários já demitidos (com o valor correspondente devidamente embolsado por terceiros) são algumas das irregularidades encontradas pelos repórteres CHICO OTAVIO e CRISTINA TARDÁGUILA na administração do Escritório Central de Arrecadação e Distribuição, o Ecad, entidade privada que recolhe e distribui os direitos autorais de músicos no Brasil. Alvo de CPI e questionado pela falta de transparência na complexa operação, revelada por documentos internos dos últimos sete anos, o escritório — que em 2010 arrecadou R$ 433 milhões, repassando aos músicos R$ 346 milhões — rebate as críticas. Alega que é vítima de fraudes
e não o responsável por elas.

Veja também:

* Netanyahu: ‘Aquelas não eram fronteiras de paz’

* PM começa a ocupar Alemão em agosto

* Procurador pede que Palocci revele clientes

* Um desvio de R$ 615 milhões em Campinas

* Solto, DSK é rejeitado por novos vizinhos

Formato: PDF
Tamanho: 32 MB

Download_Lady_Gaga_-_Born_This_Way:_Special_Edition_(2011)

Born This Way é o segundo álbum de estúdio de Lady Gaga. Dia 23 de Maio de 2011 foi a data escolhida para o lançamento do álbum, conforme revelou a cantora através do seu Twitter. O título do ãlbum foi anunciado no MTV Video Music Awards de 2010 durante o discurso de agradecimento pelo prémio na categoria de "Vídeo do Ano", por "Bad Romance". A versão Deluxe Edition conta com 2 cds e 22 músicas. Confira!

Lista de Músicas

CD 01
01 Marry The Night (4:25)
02 Born This Way (4:20)
03 Government Hooker (4:14)
04 Judas (4:09)
05 Americano (4:06)
06 Hair (5:08)
07 Scheibe (3:45)
08 Bloody Mary (4:05)
09 Black Jesus - Amen Fashion (3:36)
10 Bad Kids (3:51)
11 Fashion Of His Love (3:39)
12 Highway Unicorn (Road To Love) (4:16)
13 Heavy Metal Lover (4:13)
14 Electric Chapel (4:12)
15 The Queen (5:17)
16 Yoü And I (5:07)
17 The Edge Of Glory (5:21)

CD 02
01 Born This Way (Country Road Version) (4:21)
02 Judas (DJ White Shadow Remix) (4:07)
03 Marry The Night (Zedd Remix) (4:21)
04 Scheibe (DJ White Shadow Mugler) (9:35)
05 Fashion Of His Love (Fernando Garibay Remix) (3:45)
06 Born This Way (Jost & Naaf Remix) (5:59)

Jornal O Estado de SP em PDF, Sabado, 21 de Maio de 2011

Palácio blinda Palocci, mas até petistas pedem que ministro comprove a renda:
O Palácio do Planalto montou uma operação para blindar o ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, acusado de multiplicar o próprio patrimônio por 20 num período de quatro anos. A estratégia contou com uma espécie de 'nada consta' pronunciado pela Comissão de Ética Pública da Presidência e enfáticas declarações de apoio palacianas, apesar de algumas vozes isoladas dentro do próprio PT terem defendido que Palocci torne pública a declaração de Imposto de Renda para dissipar as dúvidas sobre seu patrimônio.

Em reunião com a coordenação do governo, ontem de manhã, a presidente Dilma Rousseff disse que a denúncia faz parte de um jogo político para desestabilizar o início da gestão. 'Isso é guerra política, mas não tem como prosperar', afirmou, segundo relatos de dois ministros presentes à reunião - o próprio Palocci estava presente.

De qualquer forma, enquanto a oposição e até alguns petistas cobravam explicações públicas do ministro, o governo formou um cordão de proteção em torno do braço direito de Dilma.

Nas fileiras do PT, no entanto, não houve defesa incondicional de Palocci. Os senadores Walter Pinheiro (BA) e Eduardo Suplicy (SP) disseram esperar que o ministro dê mais detalhes sobre sua atuação empresarial, que teria lhe garantido os rendimentos para adquirir em 2010, num bairro nobre de São Paulo, um apartamento de R$ 6,6 milhões. Um ano antes, ele havia adquirido um escritório por R$ 882 mil.

Os imóveis, segundo revelou o jornal Folha de S. Paulo, foram comprados pela empresa de consultoria Projeto, da qual o ministro tinha 99,9% do capital. Em 2006, quando concorreu a deputado, Palocci declarou patrimônio de R$ 375 mil.

'Se ele tem os documentos, o material que diz ter, então deve divulgar e acabar logo com isso', observou Pinheiro. 'A gente é que tem de se antecipar e mostrar tudo, até porque esse terreno é propício à ilação. Não vejo crime em se divulgar essas informações', acrescentou. Na mesma linha, Suplicy disse que, pela atuação de Palocci na campanha de Dilma, 'será melhor se a explicação vier mais completa'.

O presidente nacional do PT, Rui Falcão, afirmou que o partido confia no ministro e que todos os esclarecimentos já foram prestados. 'Nada mais há a dizer sobre esse tema, que está suficientemente esclarecido.'

'Pinheiro e Suplicy são vozes isoladas no PT, que repercutem a oposição', avaliou o deputado André Vargas (PR), secretário de Comunicação da legenda. 'Palocci deve explicações como qualquer homem público, mas não acho que seja o caso de abrir as suas contas. Por acaso os ministros do Fernando Henrique que coordenaram as privatizações e viraram banqueiros abriram as deles?'

Ênfase. No Planalto, o presidente da Comissão de Ética, José Paulo Sepúlveda Pertence, e o ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, fizeram a defesa mais enfática em favor do ministro.

Sepúlveda Pertence disse que Palocci o procurou, em dezembro, para saber se não haveria conflito de interesse em assumir a Casa Civil sendo proprietário da consultoria Projeto. Foi o próprio Pertence quem o orientou a mudar o contrato da empresa, reduzindo-a a uma administradora de imóveis. Palocci, então, contratou um banco para administrar seu patrimônio.

'Ele nos perguntou se a fórmula nova da empresa era adequada e nós entendemos que sim', argumentou Pertence.

O assunto ocupou ontem a primeira parte da reunião de três horas e meia da Comissão de Ética da Presidência. De acordo com Pertence, porém, nada há a investigar. 'Não nos cabe indagar a história da fortuna dos pobres e dos ricos que se tornaram ministro', insistiu ele.

Para Gilberto Carvalho, não há problema com Palocci, definido como 'peça fundamental'. 'Do ponto de vista do governo, não há reparo a fazer. Agora, ele tem vida pessoal. Antes, era deputado federal, desenvolvia outras funções e não cabe a nós discutir isso', comentou Carvalho. 'A presidente Dilma convidou Palocci para ser seu ministro e o que interessa é o comportamento dele nesse período, se ele vai ou não auferir bens de maneira legítima dentro do governo. É isso que interessa. Não cabe ao governo fazer investigação sobre o passado, salvo, naturalmente, a postura ética que cada um dos ministros teve ao longo da vida.'

No fim do dia, após reuniões para medir a temperatura da crise, a avaliação no Planalto era de que o assunto estava 'encerrado' e só será 'requentado' se a oposição convocar Palocci para depor. À noite, o ministro conversou com Dilma, sozinho, no Alvorada. O tête-à-tête durou uma hora e meia.

Formato: PDF
Tamanho: 55 MB

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Imagens engraçadas/curiosas - 20/05/2011

Clique na imagem abaixo para ver todas as fotos

Via Knuttz/Ueba

Jornal O Globo em PDF, Sexta, 20 de Maio de 2011

* Sinal verde para a UPP da Mangueira
Uma operação da PM abriu caminho para a instalação de mais uma Unidade de Polícia Pacificadora no Rio, agora no Morro da Mangueira. Durante a incursão, sem tiros, foi descoberto um túnel de 200 metros, apoiado na galeria pluvial, que os traficantes usavam para fugir para a mata. Com a futura UPP da Mangueira, fechase o cinturão de segurança em torno de um ponto estratégico para a Copa e as Olimpíadas: o Estádio do Maracanã.

* Obama defende Palestina com fronteiras pré-1967

* DSK perde o FMI e ganha uma tornozeleira

* Petrobras e Receita brigam por R$ 4,6 bi

* A ansiedade dos fãs mirins para ver o show de McCartney

Formato: PDF
Tamanho: 24 MB

Folha de São Paulo em PDF, Sexta, 20 de Maio de 2011

Empresa de Palocci faturou R$ 20 mi no ano da eleição:
A empresa de consultoria do ministro Antonio Palocci faturou R$ 20 milhões no ano eleitoral de 2010. Segundo duas pessoas que viram os números da consultoria, o desempenho do ano passado representou salto significativo. Em 2006, a receita foi de R$ 160 mil.
A Folha revelou que o ministro multiplicou por 20 seu patrimônio em quatro anos.

Outro lado: Consultoria afirma que não comentará valores

Firma atuou para empreiteira com negócios públicos

Petista ganhou para dar palestra sobre gripe suína

Após morte, reitor da USP cobra mais PM

Vítima optou por carro blindado depois de assaltos

Obama apoia Palestina em área ocupada por Israel

Brasil cogita votar em país rico para a chefia do FMI

Consórcios sob suspeita de fazer acerto construirão linha 5 do metrô

Formato: PDF
Tamanho: 81 MB

Aperte o play, ouça um sorriso e ajude a campanha (você não gastará nada além de alguns segundos)!

Breakfast Interrompido

Quando Eletrônicos tornaram-se obsoletos

Jornal O Dia em PDF, Sexta, 20 de Maio de 2011

Rocinha: Amiga de Luana diz que jovem foi chamada para encontrar bandidos
Para a família, jovem foi morta por traficantes - Rio -' Não fica preocupada, não. O máximo que pode acontecer comigo é eu voltar sem cabelo’. A frase foi dita, em tom de brincadeira, pela modelo Luana Rodrigues de Souza, de 20 anos, numa conversa pelo telefone com uma amiga da família antes de ir para a Favela da Rocinha, no dia 9. Desde então, a moça e outra jovem, identificada apenas como Andressa, desapareceram, como O DIA revelou ontem. A declaração relatada pela amiga, ontem à noite, a policiais da Divisão de Homicídios (DH) reforça a suspeita de que as garotas teriam sido mortas por traficantes. De acordo com o relato, a amiga telefonou para Luana na tarde do dia 9. A jovem contou que estava com Andressa e dois jogadores do Botafogo em um shopping da Barra da Tijuca. A modelo disse que iria até a Rocinha porque tinha sido chamada para um ‘desenrolo’ (resolver um problema). Quando a amiga se mostrou preocupada, Luana tentou tranquilizá-la e acrescentou que tinha ‘as costas quentes’.

A amiga da família disse não ter dúvidas do que aconteceu com a modelo: “Foi morta por traficantes”. Segundo ela, o motivo seria o namoro da jovem com um policial. “Acharam que ela fosse X-9 (informante)”, acrescentou.
Também na noite de ontem, os pais de Luana — Miraldo de Sousa e Suili Rodrigues Rosa — prestaram depoimento na DH. A mãe contou que, no dia do desaparecimento, ligou várias vezes para o celular da filha, mas não obteve resposta. Suili disse acreditar que Luana teria ido mesmo para a Rocinha naquele dia, mas negou saber de envolvimento da moça com traficantes. Ela afirmou ainda que chegou a procurar a jovem no Hospital Miguel Couto, na sexta-feira.

De manhã, o delegado Felipe Ettore, diretor da DH, preferiu manter a cautela e tratou o caso como desaparecimento. Ele afirmou que pedirá a quebra do sigilo telefônico de Luana para tentar rastrear os últimos passos das jovens. Segundo o delegado, ainda há poucas informações sobre Andressa, pois a família não procurou a polícia.

Na Rocinha, o comentário entre moradores é de que as duas jovens foram mortas e esquartejadas por traficantes, a mando do chefão local, Antônio Francisco Bonfim Lopes, o Nem. O motivo seria o suposto relacionamento dela com o policial e que, a partir disso, a polícia teria apreendido 2,5 toneladas de maconha, mês passado. “Se ela realmente estava namorando um policial, precisamos apurar”, concluiu Ettore.

Luto em mensagens pela Internet

Nas redes sociais da Internet, amigos de Luana enviaram dezenas de mensagens em tom de despedida. O tom era ‘de luto’, como apareceu no título de muitos dos comentários.

As mensagens começaram a ser postadas antes mesmo de o desaparecimento da jovem ser registrado na 15ª DP (Gávea), na segunda-feira. Na sexta-feira, comentário de um casal no Orkut já falava sobre o sumiço: “O sonho acabou... fica com Deus”. No mesmo dia, amigo identificado como Júnior deixou a mensagem: “Descanse em paz”. Na quarta-feira, foi celebrada a missa de sétimo dia da modelo.

Emoção na despedida das amigas

Na segunda-feira, Cris, amiga e confidente da modelo, deixou um recado emocionado: “Luana, nunca mais vou esquecer aquele abraço que a gente deu. Eu me despedi de você e não sabia. Se ao menos eu sentiçe (sic) que iria acontecer essa tragédia tinha falado pra você se cuidar. Mas agora que está no céu, descanse em paz. Saudades eternas”.

Dani, outra amiga da modelo, também demonstrou sua dor: “Para uma grande amiga que jamais será esquecida. Lu, sempre lembrarei de todos os nossos momentos juntas. Agora, descanse em paz ao lado de Deus”.

Na rede social

Muito atraente. É assim que Luana se definiu em seu perfil na página do Orkut (site de relacionamentos). Bonita e muito vaidosa, gostava de se exibir, principalmente em fotos. De seus cabelos era o que ela mais gostava. Chegou até a ser capa também no Orkut de uma página chamada ‘Só para as que humilham’ sobre mulheres bonitas. Entre as comunidades que participava na Internet estavam ‘Toda Luana é linda’ e ‘Nasci para arrasar’.

Mãe de um menino de 2 anos, por quem se dizia apaixonada, ela manteve a forma depois da gravidez lutando boxe. Gostava também de futebol e era flamenguista doente. No samba, torcia pela Vila Isabel e Acadêmicos da Rocinha.

Luana chegou até a fazer curso de modelo na Rocinha mas não seguiu carreira. Ela trocou as passarelas pelo palco. Na favela, fazia peça de teatro infantil e também se vestia de Mamãe Noel nas festas de fim de ano, quando artistas e atletas subiam o morro para distribuir donativos. Segundo amigas, por ser bonita, sempre conseguia trabalho em eventos, era uma forma de ganhar dinheiro.

Como a maioria das jovens de sua idade, era festeira. Suas fotos mostram que Luana estava sempre em eventos, cercada de amigos e sorrindo, resultado de seu temperamento extrovertido, simpático e palhaço, como ela se definia. Gostava de dançar, sobretudo pagode e funk.

Romântica, gostava de demonstrações de afeto em público. ‘Mulher não se pega, conquista’ era uma de suas comunidades no Orkut onde ela também deixou registrado. “... Você pensa que é bom, Ser amante é doloroso .. Sai daí sua Recalcada.. Ser Fiel é mais Gostoso. A moral que Eu tenho com Ele .. Você nunca vai ter. Chora sua Otária a Luana é o Poder”, escreveu, lembrando letra de um funk.

Formato: PDF
Tamanho: 29.5 MB

Jornal O Estado de SP em PDF, Sexta, 20 de Maio de 2011

Pressionado, Palocci revela à PGR alta movimentação financeira após eleição
Ministro se antecipa a pedido de informações do procurador-geral sobre seu patrimônio e em documento explica que rescindiu contratos com empresas no final do ano passado; a Projeto tinha pelo menos 20 grandes clientes - No centro da primeira turbulência política do governo, o ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, decidiu enviar um esclarecimento espontâneo à Procuradoria-Geral da República (PGR) para justificar as atividades econômicas da sua empresa, a Projeto Consultoria Financeira e Econômica Ltda., e o alto volume de recursos que recebeu no fim de 2010, após a eleição de Dilma Rousseff à Presidência da República. O ministro foi o principal coordenador da campanha da petista. No documento, que deve ser enviado nesta sexta-feira, 20 à PGR, Palocci informa que trabalhou para pelo menos 20 empresas, incluindo bancos, montadoras e indústrias, e que boa parte dos pagamentos foi concentrada entre novembro e dezembro do ano passado quando anunciou aos clientes que não mais atuaria no ramo de consultoria. Na ocasião, segundo a justificativa do ministro, pelo menos 70% dos serviços de consultoria e análises de mercado já estavam concluídos, o que explicaria o pagamento nesse período.

O faturamento milionário no fim do ano serviu para ajudar a comprar o apartamento de R$ 6,6 milhões num bairro nobre de São Paulo, cuja aquisição foi concluída em novembro.

Somente uma dessas empresas que contratou a Projeto, segundo fonte próxima ao ministro, fatura cerca de R$ 350 milhões por mês. Palocci se nega a divulgar o nome de seus antigos clientes, sob a alegação de que respeita cláusulas de confidencialidade e também mantém sob sigilo o valor faturado.

Formato: PDF
Tamanho: 36 MB

Médicos norte-americanos pedem 'morte' de Ronald McDonald

Rio - Em uma carta aberta publicada nesta quinta-feira em grandes jornais dos EUA, médicos pedem a aposentadoria de Ronald McDonald. A iniciativa foi tomada baseada em estudo da Corporação de Responsabilidade Internacional (Corporate Accountability International), atestar que um terço das crianças norte-americanas estão obesas, e uma em cada três, tem grandes chances de ter diabetes por conta de Fast Food.
Médicos pedem que palhaço símbolo da marca não seja mais usado em propagandas | Foto: Reprodução Internet

De acordo com o estudo, o marketing é um problema significativo, pois ele induz as crianças a comerem a comida gordurosa. Na carta divulgada pelo Preventative Medicine at Rush Medical College, o presidente do instituto pede o fim de Ronald. "Pare de fazer a próxima geração doente. Aposente o Ronald e o resto de seu marketing de junk food para crianças", disse Dr. Steven K. Rothsochilf.

Para os médicos, outro vilão é o brinde que acompanha os lanches. A carta ainda pede que a rede de fast food pare com a publicidade de alimentos ricos em sal, gordura e açúcar para as crianças.

A possível "morte" do Ronald McDonald é o assunto mais comentado no Twitter, sendo o líder do trending topics.
Fonte

Veja - Edição 2217 (18/05/2011) - Versão Completa

Comfortably Numb - Pink Floyd

Aqui está o trailler da música Comfortably Numb - Pink Floyd na interpretação da Banda Distant Minds. Trata-se de uma banda virtual. Somos de países diferentes e não nos conhecemos pessoalmente. Cada um gravou a sua parte em casa e depois foi feita a edição do vídeo. Nessa superprodução, fizemos uma montagem e nós aparecemos como se estivéssemos tocando juntos num palco. Está SENSACIONAL!! FANTÁSTICO!!

* Após assistirem ao trailler, cliquem no link que aparece no final, para ver como ficou a música (full), a montagem, a edição... Tudo, tudo ficou muito bem feito. Excelente trabalho feito pelo Mike, amigo "virtual" do meu filho Breno (tecladista).

O produtor do vídeo (cantor) é da Austrália (outro lado do mundo em relação ao Brasil) e os demais componentes da banda DISTANT MINDS são cada um de um país diferente... Isso é o "poder" da Internet. Unir as pessoas de bem, em prol de tudo que seja bom.

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Jornal O Globo em PDF, Quinta, 19 de Maio de 2011

* Primeiro Caderno. Palocci: tropa de choque do Planalto barra investigação. Comissões da Câmara são paralisadas e convocação é rejeitada em plenário.

* Revista Boa Viagem. Roteiro pelas Beiras em Portugal visita moliceiros em Aveiro (foto),
vinhos do Dão e o queijo da Serra da Estrela.

* Estados pressionam para evitar reforma

* Rio treinará guardas para lidar com gays

* Desmate cresceu 27% na Amazônia

* Copa do Brasil: Vasco e Avaí ficam no 1 a 1


Formato: MP3
Tamanho: 29.6 MB

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Folha de São Paulo em PDF, Quarta, 18 de Maio de 2011

Ex-ministro vale muito no mercado, diz Palocci:
A Casa Civil justificou, em mensagem dirigida a deputados e senadores, o aumento de patrimônio de Antonio Palocci mencionando ex-ministros que se tornaram banqueiros e consultores. O texto cita Maílson da Nóbrega (governo Sarney) e Pedro Malan (FHC) e diz que passar pelo Ministério da Fazenda e pelo BC propicia experiência que "dá enorme valor" a esses profissionais.

Veja também:

Brasil cai 6 postos em ranking de competitividade

Jovens seduziam para assaltar, acusa a polícia

Aécio pede 'serenidade' no caso

Câmara de SP proíbe uso de sacola plástica pelo comércio

Secretário dos EUA defende renúncia de diretor do FMI

MÔNICA BERGAMO:
'Metrô vai ser na rua Sergipe', decide Alckmin

MARCELO COELHO:
É indesculpável a falta de graça de Danilo Gentili

Governo de SP veta R$ 350 mi a estádio do Corinthians

Formato: PDF
Tamanho: 69 MB

Jornal O Dia em PDF, Quarta, 18 de Maio de 2011

Empresa paulista seleciona a partir da cor da 'cútis'
Clientes que procuram empregados domésticos têm a opção de exigir pessoas brancas ou negras. Deputado vai acionar a Federal - Rio - A cor da pele vem sendo usada como critério para a contratação de pessoal em São Paulo. Conforme a reportagem de O DIA constatou nesta terça-feira, a empresa de recursos humanos Resilar, situada no bairro Vila Mariana, Zona Sul da capital paulista, dá ao cliente a opção de escolher, na ficha que preenche no site, a opção “cútis” (pele) para ajudar a definir o “perfil” do empregado que quer em sua casa. Criado em 1989, o Estatuto da Igualdade Racial pune com pena de prisão de um a três anos o preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional. Para o deputado federal e ex-ministro da Igualdade Racial, Edson Santos, o site (www.resilardomesticas.com.br) da empresa é uma forma de segregação racial. Ele promete levar o caso à Polícia Federal.

Em telefonema da redação de O DIA à Resilar, um repórter se fez passar por contratante e uma funcionária da empresa confirmou que o critério de seleção é baseado na etnia. Ao pedir informações sobre opções de perfil de empregada doméstica, a funcionária respondeu: “O senhor tem que me dizer o serviço que ela vai exercer na residência, a idade, alguma preferência de etnia...”, explicou. Depois, disse que a pergunta sobre etnia é feita para evitar possível “constrangimento” durante a fase de entrevistas, em que empregado e patrão em potencial ficam cara a cara. Em visita à sede da empresa, em São Paulo, equipe de O DIA perguntou a uma funcionária da Resilar os critérios da escolha de uma empregada doméstica e também ouviu como resposta que a cor da pele é usada como fator de seleção. Informada sobre a denúncia de racismo, uma outra funcionária afirmou, por telefone, que o “responsável pela empresa” só estaria na sede hoje, às 10h.

A presidente do Sindicato das Empregadas Domésticas do Rio, Carli Maria dos Santos, achou um absurdo o critério adotado. “É muito descaramento. Geralmente, as empresas pedem fotos e escolhem as pessoas pela aparência. Aí, não temos como provar que há preconceito. Neste caso, a discriminação é clara”, disse.

Brasil tem 7 milhões de domésticas

De acordo com pesquisa do IBGE, cerca de 7 milhões de brasileiras desempenham a função de empregadas domésticas, sendo que 73,8% do total não têm carteira assinada. A maioria é negra.

Na informalidade, de acordo com a pesquisa, as empregadas acabam ganhando 30% menos das que têm carteira assinada. Quando a trabalhadora é negra e vive na informalidade, o ganho é ainda menor: o equivalente a 64,7% do salário mínimo por mês.

Ex-ministro da Igualdade Racial garante: é racismo

Procurado por O DIA, o deputado federal Edson Santos (PT), ex-ministro da Igualdade Racial, disse que vai protocolar denúncia de racismo contra a Resilar na Polícia Federal. Ele também vai denunciar o caso no Ministério Público Estadual de São Paulo, e falou que abordará o assunto na reunião de hoje, na Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados, em Brasília.

Edson Santos disse que não tem dúvidas de que a Resilar praticou racismo. “Ao usar a expressão cútis no site, está claro que o critério de seleção é baseado na etnia, o que é proibido”.

O deputado viu com tristeza o critério usado na seleção dos funcionários. Ele disse que, agindo desta forma, a empresa deixa de oferecer emprego a grande parte da população. “As empregadas domésticas são, geralmente, pessoas muito humildes. E a maioria é negra. Com certeza, uma parcela grande destas profissionais está ficando fora do mercado de trabalho devido à questão racial.”

Formato: PDF
Tamanho: 24 MB

Jornal O Globo em PDF, Quarta, 18 de Maio de 2011

* Primeiro Caderno. Palocci diz que fez o mesmo queparlamentares e ex-ministros. Para chefe da Casa Civil, consultorias são expediente comum e legítimo.

* Segundo Caderno. Um papo sobre música, web, meditação e até cinema com David Lynch, tema de documentário de um carioca.

* Esportes. Vasco enfrenta Avaí, hoje, às 21h50m, em São Januário, no primeiro jogo das semifinais da Copa do Brasil, em partida que o meia Felipe considera um autêntico jogo de xadrez.

* Carro Etc. Concessionárias tentam se adaptar ao aumento das vendas de automóveis, mas há falta de peças.

Formato: PDF
Tamanho: 19.4 MB

Jornal O Estado de SP em PDF, Quinta, 18 de Maio de 2011

Além de Palocci, outros 5 ministros possuem empresas de consultoria
Titulares da Indústria e Comércio, Justiça, Integração Nacional, Portos e Assuntos Estratégicos mantêm em atividade empresas de consultoria; chefe da Casa Civil justificou aumento significativo do patrimônio devido a rendimentos de sua empresa. BRASÍLIA - Pelo menos cinco ministros do governo federal têm empresas de consultoria que continuam ativas em pleno exercício do cargo. Enquanto o ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, mudou o ramo de atividade de sua antiga empresa de consultoria, a Projeto, atendendo à recomendação da Comissão de Ética da Presidência, os colegas de Esplanada não fizeram o mesmo. São eles: Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Comércio e Indústria), José Eduardo Martins Cardozo (Justiça), Moreira Franco (Assuntos Estratégicos), Leônidas Cristino (Portos) e Fernando Bezerra Coelho (Integração Nacional). Dados da Receita Federal mostram que as empresas em nome desses cinco ministros estão com o registro "ativo" para atividades de consultoria.

Em declaração à imprensa na segunda-feira, 16, o presidente da Comissão de Ética, Sepúlveda Pertence, afirmou que recomendou a Palocci que alterasse o objeto social de sua empresa do ramo de consultoria para o de administração imobiliária.

Na avaliação de Pertence, a descrição "consultoria" era ampla demais e abriria possibilidade de conflito de interesse com um cargo de ministro de Estado - no caso do ministro Palocci, especialmente pelo fato de ele ser chefe da Casa Civil, espécie de núcleo central por onde transitam todas as ações estratégicas do governo.

Nesta terça-feira, 17, procurado pelo Estado por intermédio de sua assessoria de imprensa, o presidente da Comissão de Ética Pública não quis se manifestar sobre os casos dos outros cinco ministros que mantêm empresas de consultoria.

Formato: PDF
Tamanho: 22.6 MB

Outdoor Photographer - Junho 2011

Lapso de tempo: a diferença entre verão e inverno na Finlândia

terça-feira, 17 de maio de 2011

Imagens engraçadas/curiosas - 17/05/2011

Clique na imagem abaixo para ver todas as fotos

Via Knuttz/Ueba

iPad & iPhone User - Maio 2011

Digital SLR Photography - Junho 2011

Jornal O Dia em PDF, Terça, 17 de Maio de 2011

‘Insensato Coração’: Carol e Raul terão a primeira noite de amor:
Rio - Depois do primeiro beijo entre Raul (Antônio Fagundes) e Carol (Camila Pitanga), em ‘Insensato Coração’, no ar esta quarta-feira, os laços entre o casal vão se estreitar e eles terão a primeira noite de amor. Tudo acontece no apartamento dele, sábado.

Os dois bebem vinho e conversam, entre gestos de carinho. Raul, charmoso e sedutor, deixa Carol muito envolvida. “Não vai me achar maluco, mas sabe que no fundo eu gostava até das nossas brigas? Te ver falando, olhando pra mim com esses olhos enormes, saber que eu estava despertando alguma emoção em você”, diz ele.

Carol retribui: “Prefiro isso que você está me despertando agora. É mais forte”. Raul a beija, ela corresponde. Já no quarto, os dois vão para a cama. Ele tira a blusa dela, beija seu pescoço e a admira: “ Tão linda que você é...”.

Formato: PDF
Tamanho: 20 MB

Folha de São Paulo em PDF, Terça, 17 de Maio de 2011

Comissão de ética diz que Palocci não relatou bens:
A Comissão de Ética Pública da Presidência da República contradisse a versão do ministro Antonio Palocci (Casa Civil) de que havia relatado aumento patrimonial em 20 vezes de 2006 a 2010, período em que foi deputado federal pelo PT. O presidente da comissão, Sepúlveda Pertence, contou que Palocci não fez menção ao apartamento de R$ 6,6 milhões e ao escritório de R$ 882 mil adquiridos pela sua empresa Projeto.

Moradores preferem metrô no Pacaembu

Em SP, classe A paga aluguel de escritório em obra

Homicídio cai e furto cresce na capital em 2011

FERNANDO DE BARROS E SILVA: Petista precisaexplicar o que exatamente fazia a sua empresa

Novo tratamento é mais eficaz para infectados por tuberculose

Ministro do STF nega pedido de libertação para Battisti

Dignidade da morte

Formato: PDF
Tamanho: 74 MB

Jornal O Globo em PDF, Terça, 17 de Maio de 2011

* Primeiro Caderno. Nem fiança de US$ 1 milhãotira chefe do FMI da cadeia. Prisão de Strauss-Kahn faz bolsas na Europa caírem e abre crise na França.

* Segundo Caderno. Um dos principais nomes do moderno teatro brasileiro, Roberto Alvim defende a renovação das relações.

* Esportes. Barreira na Colina. Mais tradicional entre os quatrosemifinalistas da Copa do Brasil, Vasco descarta favoritismo e se agarra ao regulamento: trabalha para vencer o Avaí em casa sem sofrer gols no primeiro jogo das semifinais.

* Revista Megazine. Quarto filme da franquia “Piratas do Caribe” estreia sexta-feira e agora tem Penélope Cruz no elenco.

* Revista Razão Social. Biocombustível produzido com óleo de cozinha em Arraial do Cabo será usado nas Olimpíadas de 2016.

Formato: PDF
Tamanho: 26.5 MB